quarta-feira, 12 de julho de 2017

[CURTAS] Criador de Oddworld causa revolta ao dizer que a filosofia da Nintendo matou Satoru Iwata

Criador da série Oddworld, Lorne Lanning não é exatamente o maior fã da Nintendo, embora sua obra tenha vindo para competir com Mario. Em um bate-papo para o canal Kinda Funny, Lanning criticou duramente a filosofia da Nintendo e acabou por soltar um comentário bem infeliz: o modo da empresa de fazer as coisas teria causado a morte do ex-presidente Satoru Iwata.

Lanning não acredita que o Switch reverterá o fracasso do Wii U (ainda que os números mostrem o contrário), uma vez que, para ele, a Nintendo não dá a devida atenção às desenvolvedoras third-parties desde a época do Wii. Vale lembrar que, ainda sob o codinome NX, o Switch conquistou várias third-parties, inclusive algumas que se afastaram da Nintendo devido ao Wii U. Lanning usa como exemplo sua própria criação, Oddworld: New 'n' Tasty, lançado na eShop do Wii U com apenas uma pequena promoção.

Entre tantas críticas, Lanning perdeu o rumo ao falar do falecido ex-presidente da Big N: em determinado momento, o desenvolvedor norte-americano afirmou que este modo de pensar que a Nintendo mantém teria provocado a morte de Satoru Iwata. O que não é verdade, uma vez que o executivo japonês foi vítima de um câncer nas vias biliares. Confira:
A filosofia tem que mudar. O maior problema que eu vejo na Nintendo é a forma de pensar. Particularmente, eu acho que isso matou Iwata, ele não conseguiu mudar a organização para uma área bem sucedida.

Imediatamente, não só os fãs da Nintendo, mas todos que assistiam à conversa criticaram Lanning. A repercussão negativa foi tão grande que ele se viu obrigado a soltar um pedido de desculpas:
Ontem, várias notícias relataram uma conversa que eu tive ao aparecer no programa GameOverGreggy em abril deste ano. Eu gostaria de sinceramente pedir desculpas pela pouca escolha de palavras a respeito de Satoru Iwata. Minha intenção não era, certamente, desrespeitar o grande homem que há muito tempo carrega minha admiração e respeito, e eu o considerava um herói na indústria. Meus comentários sobre as políticas e práticas atuais da Nintendo em relação ao ecossistema do Switch são opiniões pessoais. Eu declaro-as não para menosprezar ninguém, mas para encorajar o que acredito que seria um ecossistema mais saudável que beneficiaria todos os envolvidos, dono da plataforma, desenvolvedor, publicadora e, claro, o jogador.

Ninguém é obrigado a concordar com as políticas da Nintendo, mas cabe um bom senso em suas declarações e, principalmente, uma dose de respeito a quem, infelizmente, não está mais presente para se defender. Lanning perdeu uma ótima oportunidade de ficar calado e manter suas opiniões apenas no que diz respeito ao ambiente de trabalho da Nintendo.


Via Nintendo Blast.

Comentários
0 Comentários

0 comentários: