segunda-feira, 5 de maio de 2014

DKC Tropical Freeze - Mundo 1: Lost Mangroves

Fases: 07 mais o chefe;
Tema: Manguezal;
Chefe: Pompy, The Presumptuous
Dificuldade média: 04/10.

O primeiro Mundo de Donkey Kong Country Tropical Freeze, o local onde os Kongs caíram ao serem "arremessados" da DK Island pelo vento forte provocado pelo Ice Dragon (Convocado pelo líder dos Snowmads para dominar as terras dos símios), é uma ilha que introduz um novo tema à saga Country: Manguezal.
Lost Mangroves  traz em suas fases (Que possuem um dificuldade relativamente equilibrada) algumas das coisas que estreiam nesse game - a câmera 3D, as "habilidades" de puxar algumas raízes do chão, em determinados momentos, para "remover obstáculos", e a de carregar e arremessar certos inimigos, e os estágios secretos, abertos após encontrar uma saída secreta em determinada fase - além do que retornou dos anteriores, como as partes subaquáticas (Agora com respiração limitada, que pode ser preenchida com bolhas em baixo d'água), os estágios de silhueta (Que dessa vez aparece em um tipo nunca visto antes para um "nível nas sombras"), e os estágios de Mine Cart (Com o novo efeito de câmera introduzido).

A fauna de Lost Mangroves inclui: lesmas, dodôs (Ave extinta em nosso planeta), grilos, tartarugas e libélulas; todos os animais ao estilo DK, ou seja, que possuem tamanhos "próximos a de um gorila", entendem ?
Por ser um manguezal, Lost Mangroves apresenta muitas árvores (Grandes ou pequenas) com raízes aparentes, e alagados. O curioso é que nessa ilha há muitos aviões batidos, que servem até mesmo de obstáculos em alguns níveis.
O sub-líder dos Snowmads posto para comandar Lost Mangroves vocês possivelmente já viram em algum vídeo publicado em alguma postagem aqui no blog nos meses passados, mas pode ser que alguém ainda não tenha visto e não deseja ver, então não falarei como ele é até que o detonado chegue a ele; só digo que está bem complicado de ser derrotado, e que os Bosses desse game possuem uma dificuldade bem elevada.

Comentários
0 Comentários

0 comentários: