segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

[CURTAS] Presidente da Retro Studios revela: DKC Returns não teve câmera 3D por falta de tempo

Faltam duas semanas para que Donkey Kong Country Tropical Freeze chegue às lojas americanas - os japoneses receberão o jogo na semana que vem. Um dos destaques da nova aventura, e que ninguém pode negar, são os belíssimos cenários das fases. graças ao poder gráfico do Wii U. Outra coisa que mexeu com os jogadores mais afoitos foi a câmera 3D dinâmica, que acompanha a ação dos kongs através de barris e carrinhos de minério. O que ninguém sabia é que essa câmera 3D também seria usada em Donkey Kong Country Returns, para Wii, mas isso não aconteceu por falta de tempo.

Quem revelou isso foi Michael Kelbaugh, presidente da Retro Studios, desenvolvedora responsável por ambos os jogos, durante uma entrevista à Official Nintendo Magazine:
Como um desenvolvedor de games, sinto que você sempre deixa algo na prancheta que gostaria de ter feito, e é sempre atormentado pelo pensamento, 'Não seria legal se eu tivesse incluído isso...?' No entanto,eu acredito firmemente que estes pensamentos inspiram futuros games e ideias que você usará no próximo game. Por exemplo, a câmera 3D dinâmica que usamos em Tropical Freeze era algo que queríamos ter trabalhado em Donkey Kong Country Returns. Não tivemos tempo, então implementamos o recurso em Tropical Freeze.

Várias fases de DKC Returns poderiam ter aproveitado bem esse recurso, como Canopy Cannons. Já imaginaram a travessia de Donkey e Diddy pelos barris como se houvesse uma câmera atrás deles?


Via Reino do Cogumelo.

Comentários
0 Comentários

0 comentários: