quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

[CURTAS] Kimishima Fala Da Importância Dos Jovens Na Nintendo e Sobre Os Jogos Mobile Da Empresa Ainda Não Anunciados

Oi, pessoal, tudo bem?
Na reunião em que a Nintendo divulgou resultados referentes ao ano fiscal 2015/2016, ocorreu uma sessão de perguntas e respostas na qual Tatsumi Kimishima, atual presidente da gigante dos games, teve de responder a algumas dúvidas dos investidores e acionistas presentes.
Perguntado sobre sua "estratégia", Kimishima disse acreditar que os jovens são muito importantes dentro da Nintendo, e que por isso tem dado cada vez mais espaço a eles na companhia, apesar de saber que é difícil ver isso do lado de fora dessa. Confira:

Quando me tornei presidente, disse que era meu papel continuar com a estratégia estabelecida sob a gestão anterior. A partir deste ponto, precisamos de jovens na empresa como uma nova geração, para dar muitas ideias novas. É importante criar uma organização em que eles possam prosperar. Para fazer isso, nós estabelecemos um sistema onde muitas pessoas com potencial podem desempenhar papéis ativos. Pode ser difícil ver isso de fora da empresa, mas nossa organização mudou muito. Nós também queremos nossos desenvolvedores de jogos se tornem conhecidos, por isso, vamos enviá-los ao público.

Já quando questionado sobre os quatro jogos que a Big N pretende lançar depois de Miitomo, o executivo deixou claro que esses podem ser de qualquer uma das muitas séries da gigante de Kyoto. Confira:

Não há limites sobre o uso das propriedades intelectuais da Nintendo para os games de dispositivos mobile. Nós devemos considerar como fazer isso para alcançar a sinergia entre jogos para consoles e smartphones.
Nós também estamos pensando em desenvolver coisas que não estejam ligadas com consoles existentes. Eu também acho que é extremamente importante conectar aplicativos mobile e jogos para consoles de alguma forma.
O próximo game que iremos anunciar faz uso de um personagem da Nintendo, então espere pelo seu anúcio. Nós vamos anunciar isso em algum momento no futuro.

Ambas são declarações muito animadoras, não são, leitor(a)?
Até mais!
                                                                                 
Via A Casa do Cogumelo [1] e [2]

Comentários
0 Comentários

0 comentários: